Search
Close this search box.

.

Cristina Amaral retorna aos palcos depois de perder duas irmãs: “Vou cantar para elas”

Depois de perder duas irmãs no mesmo dia em um acidente de carro em 23 de janeiro, Cristina Amaral volta aos palcos neste sábado (3) para se apresentar no Baile Municipal do Recife, em uma noite que promete ser desafiadora pessoalmente e profissionalmente.

Para a carreira, Cristina fará parte do grupo de artistas que vai comandar o palco da prévia mais tradicional da cidade, numa noite em que apenas vozes femininas cantarão. No lado pessoal, o momento também carrega o peso de ser a volta aos holofotes após a tragédia da perda das irmãs.

Maria de Lourdes Bezerra, de 74 anos, e Sandra Geovanni Silva, de 57, morreram após o motorista do carro em que estavam (Jean Carlos, filho de Maria de Lourdes) ter cochilado ao volante, provocando o acidente. O veículo, que trafegava na rodovia BR-232, na altura do bairro do Curado, perdeu o controle e caiu em um canal, ficando parcialmente submerso.

Em conversa exclusiva com a coluna Giro, do Diario de Pernambuco, Cristina conta que a retomada da carreira acontece como uma forma de honrar o desejo das irmãs, que sempre foram suas grandes apoiadoras. Emocionada, ela relata: “Pensei em cancelar tudo, mas entendi que não seria o desejo delas. Sinto uma força espiritual muito grande e sei que as duas seguem ao meu lado, desejando o melhor para mim. Vou cantar por elas e para elas”.

Maria de Lourdes e Sandra com a mãe, Zefinha

A música sempre foi uma constante na rotina familiar. Cristina – cuja mãe, dona Zefinha, completou 101 anos – revela que todas as irmãs costumavam cantar muito em casa, apesar de que só ela seguiu a carreira de forma profissional. No entanto, não faltou espaço para colaborações: em 1994, por exemplo, Sandra participou como segunda voz no disco Doce Vendaval.

Com força para honrar o amor das irmãs, Cristina não se apresentará apenas no Baile Municipal do Recife. No sábado de carnaval (10), vai puxar mais uma vez o trio da Secretaria da Mulher de Pernambuco no Galo da Madrugada, ao lado de Gabi da Pele Preta e da baiana Joyce França. Já no domingo (11), canta em Macaparana. Na segunda (12), segue para Itamaracá e finaliza, na terça-feira (13), no polo da Linha do Tiro. “Estou reunindo forças para seguir em frente”, finaliza.

Compartilhe :
Twitter
LinkedIn
Facebook
WhatsApp
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

Cristina Amaral retorna aos palcos depois de perder duas irmãs: “Vou cantar para elas”